quarta-feira, 26 de maio de 2010

Oh porra...

Uma e cinquenta da manhã... belo momento para a máquina de lavar dar o berro...

Já aceitei a empreitada de arranjar da dita-cuja. Não há de ser muito complicado, já arranjei coisas mais complexas.

Actualização:
Tive que deixar a ferramenta e ir para a cama por falta de material (e excesso de sono). Como a cama é boa conselheira, acordei e voltei á labuta. consegui identificar a peça prevaricadora e arranjá-la. O que era? Uma reles moeda de 10 cêntimos presa na bomba de escoamento.

Sucesso!!:)

1 comentário:

Maria Soares disse...

Para um engenheiro, todas as coisas do universo podem classificar-se dentro de 2 categorias:

1) Coisas que precisam de ser arranjadas
2) Coisas que necessitarão de ser ser arranjadas ou melhoradas depois de ser ter brincado com elas uns minutitos :P

Os engenheiros gostam de resolver problemas, se não os tem á mão, inventam

Conheço alguém assim!
Não te enganas-te nada na profissão :P!!

PS. Pela primeira vez na minha vida vejo as "entranhas" de uma maquina de lavar, creepy :D