terça-feira, 28 de abril de 2009

25 de Abril na Madeira

Há 35 anos, o 25 de Abril na madeira nada teve que ver com a revolução dos cravos. Foi um golpe de estado ao estilo da américa latina, onde se substituiu um ditador por outro, um regime putrefacto por outro podre, que 35 anos depois já se deu ao luxo de nem sequer querer festejar a ocasião que lhe permitiu usurpar o poder, pois teria que invocar falsamente palávras como "justiça" e "liberdade" que tanto lhe são alheias.



Foi curioso ver como "o braço armado do regime" (também conhecida por PSP) andava pelas ruas da cidade feitos baratas tontas, sem saber bem o que fazer, oscilando entre a necessidade de cumprir a lei (afinal de contas, estavam câmaras de TV lá) e a necessidade de agradar aos seus lideres. Belos tempos em que se podia simplesmente dispersar uma multidão á bastonada... devem ter pensado.

Como madeirense "no exílio" subscrevo em absoluto o vídeo.

1 comentário:

Ganika disse...

Ok, foi substituído um ditador por outro, mas não foi decisão pela maioria do povo madeirense?

De qualquer forma esta "revolução" está mt bem feita e é de louvar esse pequeno grupo de pessoas :)

"O povo é quem mais ordena", mas os polícias é que podem multar! :/

Não há nada como saber bem a lei constitucional para poder da-lhe a volta: e isto aplica-se tanto a polícias como aos comuns mortais... O que quero dizer é que qualquer pessoa pode informar-se e quem não o faz é porque se conforma...

Devia ser tão gira a viver na décado de 70... :D