sexta-feira, 13 de março de 2009

Jon Stewart vs. Jim Cramer


O Daily Show de ontem foi de longe o que menos piada teve, mas já se adivinhava um "banho de sangue" no programa quando o comentador financeiro da CNBC Jim Cramer acedeu a vir ao Daily Show como convidado - má ideia, quem viu a entrevista de Jon Stewart com Tucker Carlson e Paul Begala no programa Crossfire em 2004 saberia dizer que o homem esgrime os argumentos dele como ninguém e destroi o adversário. Jim Cramer não estava avisado, foi no programa achando que ia ser mais uma gargalhada... lixou-se.

Em certas alturas cheguei a ter pena do Jim Cramer, mas a verdade é que ele é um de muitos dos que arrastaram o mundo para o caos financeiro em que se encontra neste momento - ele, os correctores de Down Street, os CEO's dos bancos, das financeiras e das seguradoras... e mereciam levar com algum ultraje na cara. Coube ao Jim Cramer, temos pena.

A verdade é que o Jon Stewart nesta ultima semana destruiu completamente a CNBC e a sua reputação, e mostrou o quanto os média mainstream "dormem" com os responsáveis do mundo financeiro, os que fizeram borrada, exigiram o dinheiro dos contribuintes ameaçando com um apocalíptico "SENÂO...", deixaram o mundo na miséria e saíram ricos da história... ah, e ainda culpam toda a situação nos que contrairam os empréstimos subprime e não conseguiram depois manter o empréstimo...

Ok, concordo que o Daily Show difícilmente conseguirá abalar a reputação da CNBC, ainda mais com uma rúbrica diária de vinte e tal minutos em que o essencial é fazer comédia. O que sobressai é que cada vez mais, com a internet, todos nós podemos seleccionar o que vemos, olhar para os que dizem sim e para os que dizem não e tirar as nossas próprias conclusões acerca do que vimos e ouvimos. Não mais temos que confiar única e exclusivamente no que diz o Correio da Manhã ou o Expresso. Podemos ler os dois quase simultâneamente e tirar ilações sobre qualidade jornalística de ambos. Podemos decidir acreditar no que diz o Prof. Marcelo Rebelo de Sousa ou ir verificar se o que ele diz é factual e comprovado, ou se há quem diga o contrário e porquê.

É meio que uma guerra entre David e Golias onde David ganhou, e porque os pequenos raramente ganham qualquer coisa neste mundo, é de valorizar e destacar. Durante a semana, a CNBC mandou todos os canhões contra Jon Stewart e chamou ao barulho "graduados" como Martha Stewart e Meredith Vieira, numa tentativa desesperada de recuperar a sua imagem e a do seu empregado, mas não serviu de nada, a resposta quase consensual tanto da blogoesfera como dos media em geral (os que não foram envolvidos nesta guerra) é descrita perfeitamente neste título que encontrei algures na net: "Jon Stewart Wipes The Floor With Jim Cramer".

Entrevista completa aqui.

1 comentário:

Ganika disse...

Vê lá se escreves um post muito estúpido para eu poder comentar :D