domingo, 6 de abril de 2008

Boas notícias

A verdade é que nos dias que correm, lermos uma boa notícia nos jornais é uma coisa difícil. É o gelo da antártida que cada vez é menor, é o carjacking que cresce a níveis assustadores aqui mesmo em lisboa, é o socrates que não está mais simpático com os professores...

Enfim, basta de más notícias, vamos ás boas.

1. No Zimbabwe o povo atravéz de eleições livres (quem diria) depôs um louco tirano e beligerante e colocou no poder um pacifista e defensor dos direitos humanos. Aqui está uma coisa que não se vê todos os dias, um país africano subsariano a dar uma lição de democracia ao mundo todo. (na madeira já aprendiam qualquer coisinha, hein?). Onde é que este mundo vai parar? :)

2. Cipriotas gregos e turcos abriram uma passagem na rua Ledra, uma importante rua comercial em Nicosia, a capital dividida de Chipre. Nicosia de facto está a meio da divisão da ilha entre norte e sul, desde que em 1974 os turcos invadiram o lado norte da ilha, contra o bom senso generalizado. Desde então e durante estes últimos 34 anos a ilha tem se mantido dividida, com o sul de costas voltadas para o norte e vice versa, com uma zona desmilitarizada controlada pela ONU a se certificar que não se matam uns aos outros. É como a queda do muro de berlim, na última cidade dividida do mundo.

3. Na minha querida terra, parece que alguém com muito juizo decidiu que se iria criar uma fábrica de biocombustível a partir de algas marinhas no Porto Santo (atenção aqui malta dos media e continentais afins, diz-se de facto "NO" porto santo e não "EM" porto santo, aprendam se faz favor).
Tal é o optimismo deste projecto, que arrancará dentro de 6 meses, que estima-se que em 2016 a ilha do porto santo esteja completamente livre da dependência do petróleo, poupando-se milhões de euros aos bolsos das pessoas e milhões de quilos de dióxido de carbono á nossa debilitada atmosfera (hurra!!!).
Confesso que só até á pouco tempo descobri que se podia fazer energia de uma forma barata e sustentável a partir de algas marinhas. Depois de alguma pesquisa na internet descobri que até nem é um processo assim tão complicado e que sob quase todos os aspectos é um processo de transformação de energia verde.
É facto que as partidas que o clima anda a nos pregar como que acordaram a população mundial para um problema que até á pouco tempo parecia que não era de ninguém. Pois, é muito grave, mas aparentemente há esperança. Vamos continuar a exiguir que tratem o planeta com respeito, neste ultimo ano tenho visto mais esforços por parte de toda a gente no sentido de corrigir este problema do que em toda a minha vida.

Quem estiver interessado nesta notícia em específico, pode lê-la aqui.

4. Faltam 288 dias para o Bush ser destítuido do cargo, está quase!!! :)





Disclaimer: O autor deste blog não é natural da ilha do porto santo, mas da ilha da madeira.

Sem comentários: