terça-feira, 18 de março de 2008

Trabalho giro

Já não me lembrava do quanto era divertido programar, a sério! Desde que comecei a trabalhar que tenho notado que o interesse do trabalho é normalmente inversamente proporcional ao ordenado que me pagam. Entre tanto projectozinho chato, volta e meia há um que se destaca, como o portal do dicionario Houaiss no sapo (que nunca chegou a ir para o ar por decisão do pessoal lá de cima) e que deu pano para mangas para a palestra que eu dei no brasil á uns tempos atrás. Enfim, depois de uma coisa gira, lá vem uma imensidão de coisas chata, repetitivas e morosas. Ou é cortar HTML aos bocados e fazer componentes mason com interfaces com bases de dados, ou é implementações de CMS com personalizações de PHP (hugh!!), ou pior, trabalhar com o bricolage ou com o cyclops... enfim, trabalhozinho chato.

Mas a razão deste post, não está nas coisas más, mas sim nas coisas boas. Nestes dias voltou a alegria ao meu trabalho, ando a trabalhar em catalyst, que sem ser exagerado, é qualquer coisa de sublime! Á muito tempo que eu não me sentia tão bem a trabalhar, ou saía voluntáriamente do escritório á uma da manhã porque a coisa até estáva a correr bem e não queria deixar para amanhã.

Tou estourado, mas estou contente :)

Sem comentários: